EnglishItalianPortugueseSpanish

share

Posso morar nos EUA com cidadania italiana? Confira o post e descubra

Ser um cidadão da terra da bota certamente concede muitos privilégios especiais, mas será que entre eles está o de morar nos EUA com cidadania italiana? Nós te contamos tudo a seguir, vem ler!

A ideia de morar nos EUA com cidadania italiana é um desejo de muitos, afinal tentar a sorte  buscando o “sonho americano” está enraizado no imaginário do mundo inteiro. 

 

Quem possui a cidadania italiana certamente tem muitos direitos

Ser um cidadão significa ter direitos e deveres como, por exemplo, o acesso à educação, saúde, moradia, oportunidade de trabalho, poder exercer o direito ao voto e até mesmo participar de concursos públicos.

Além disso, aqueles que contam com a cidadania de um país europeu tornam-se cidadãos do continente, isso porque também podem explorar os 27 países da União Europeia sem burocracia e com facilidade de acesso.

Dessa forma, praticamente todas as pessoas que desejam morar nos EUA com cidadania italiana já sabem que uma mudança temporária ou permanente para qualquer outro país da União Europeia é sim possível, mas será que na América é assim também? É o que você descobre a seguir!

 

Passaporte italiano: guia completo para tirar o seu

 

Morar nos EUA com cidadania italiana, o que você precisa saber primeiramente?

Seja por um curto período ou permanentemente, toda mudança feita por um cidadão estrangeiro para os EUA requer obrigatoriamente autorizações ou vistos.

 

Você sabia que os vistos para o país da América do Norte estão divididos em duas categorias?
São duas categorias principais e dentro delas há várias modalidades para serem escolhidas de acordo com o motivo da viagem como, por exemplo, turismo, trabalho ou estudos.
– Vistos de “não-imigrante”: destinado a uma estadia temporária, ou seja, para quem chega aos EUA e depois retorna à Itália;

– Vistos de “imigrante”: para quem pretende se mudar permanentemente para os Estados Unidos . 

Um ponto positivo é que a maioria dos vistos dos EUA inclui a possibilidade de prolongar a estadia para além do período inicial.

 

Italianos e o caso específico de viajar sem visto

Morar nos EUA com cidadania italiana por um curto período de tempo, isso é, por menos de 90 dias se enquadra nos vistos de “não-imigrante”. Ou seja, isso significa que você não precisa de visto sendo um cidadão italiano. 

A boa notícia é que a terra da bota faz parte do Programa de Isenção de Vistos (VWP). É isso mesmo, você pode morar nos EUA com cidadania italiana sem visto, por no máximo 90 dias para negócios, lazer ou tratamento médico.

Portanto, o único procedimento necessário geralmente é algo muito simples a se fazer antes da viagem, trata-se do registro no ESTA (Sistema Eletrônico para Autorização de Viagem). Ele é o sistema responsável por regular a entrada de visitantes aos Estados Unidos. 

Para fazer o cadastro no ESTA você vai precisar:
– Pagar uma taxa;
– Possuir um cartão de crédito internacional;
– Contar com um seguro saúde;
– Ter feito a reserva da passagem aérea de retorno.

 

morar nos EUA com cidadania italiana ESTA

 

Leia também:
Quais as vantagens de viver nos Estados Unidos?

 

Mudanças definitivas exigem que você informe o motivo 

Se você pretende mudar-se definitivamente para a América, e está residindo na Itália, então será necessário se preparar com muita antecedência. Assim sendo, além de ter todos os documentos em mãos, você deve emitir o visto diretamente no Consulado Geral dos Estados Unidos.

Além disso, quem almeja uma permanência estável no país deve informar o motivo, pois existem vistos necessários nas mais diferentes situações.

 

Descubra qual o visto necessário de acordo com cada situação

Estudos:
– Estudantes estrangeiros: se você deseja fazer um high school ou entrar em uma instituição acadêmica é recomendado solicitar o visto F1 ou M.

– Intercâmbios culturais: se o motivo para morar nos EUA com cidadania italiana é o desejo de ser um intercambista ou ainda se pretende fazer uma pesquisa, então precisará solicitar um visto categoria J.

 

Trabalho:

– Trabalhadores temporários: Quando o empregador já apresentou previamente um comunicado específico aos Serviços de Cidadania e Imigração para que você possa realizar um trabalho temporário na América, o tipo de visto vai do H ao R.
Profissionais especializados: Aqueles que são especialistas em uma área na qual o país sofre carência de profissionais poderá contar o visto H1-B.

– Trabalhadores sazonais: Por outro lado, se a sua passagem pelos EUA será breve você deve solicitar o visto H2: Voltado para que ficarão apenas por um período determinado no trabalho.

– Executivos: Para os homens de negócios o mais indicado é o visto L1-A.

– Estagiários: Quem tem a oportunidade de começar a carreira em solo americano deve aplicar para o visto H3.

 

A modalidade mais procurada:
– Investidores: Atualmente essa é a categoria com mais demanda entre aqueles cidadãos que pretendem morar nos EUA com cidadania italiana. Isso porque ele possibilita que as pessoas invistam em um empreendimento do país da América de Norte e, desse modo, adquirem autorização para residir no país enquanto administram o negócio. A solicitação que deverá ser feita é para o visto E-2.

 

morar nos EUA com cidadania italiana

 

Em resumo, você até pode morar nos EUA com cidadania italiana, entretanto ser um cidadão da terra da bota não dá automaticamente direitos especiais, embora ofereça vantagens. Portanto, será necessário solicitar o visto mais adequado. Mas fique tranquilo, pois para isso você pode contar com a ajuda do nosso time de especialistas, basta enviar uma mensagem para o nosso WhatsApp, será um prazer te ajudar!

 

Com informações de: it.usembassy.gov; fiscomania.com; wise.com; neuralword.com

 

Leia nosso blog